Por Haland Guilarde
Foto: Viviane Ribeiro

No final do mês passado (outubro), foi realizado na ilha de Maui, no Havaí, o Campeonato Mundial XTerra, modalidade de triatlo off-road, onde os melhores atletas do mundo inteiro participam de uma maratona de 1,5 km de natação no mar, mais 32 de pedalada em trilha de mountain bike, além da corrida também em trilhas florestais e areias de praia no percurso de 10,5 quilômetros.

E para a felicidade de um brasiliense, o resultado conquistado por ele foi altamente gratificante. Marconi Ribeiro, especialista em pedal, morador do Distrito Federal, conquistou o título de 40 a 44 anos. Para estar lá, o competidor candango já havia vencido a etapa brasileira, realizada em Ilha Bela-SP.

Trilha percorrida para o sucesso

Em apenas um ano participando da modalidade triatlo off-road, porém, a 25 anos praticando e conquistando títulos no mountain bike, Marconi já acumula resultados bastante expressivos: 11 vezes campeão brasileiro, um pan-americano, dois vice-campeonatos mundiais, além de outras conquistas importantes, em cima da bicicleta.

Para chegar ao XTerra, o atleta percorreu um caminho árduo, mesmo com o pouco tempo. No início deste ano, participou de uma competição no DF e foi bem. Elogiado pelos colegas, decidiu participar da seletiva em Ilha Bela-SP. “Lá me senti super bem, consegui ganhar a prova e daí me despertou o desejo de treinar mais, melhorar a natação, que era o meu ponto fraco, por treinar menos. Evoluí e consegui chegar preparado no Havaí e encarar a prova”, relata Marconi.

Ele exalta a competitividade da prova e faz questão de mostrar os números da sua conquista. “Os melhores de cada país estavam lá. Na minha categoria largaram 85 atletas. Eu saí da natação em 9º e na bicicleta consegui tirar a vantagem e fui para a corrida (última parte da prova) já em 1º. Daí administrei bem e consegui vencer. Foi a realização de um sonho o título mundial”, comemorou orgulhoso.

Os sonhos continuam

Ainda este ano, mais precisamente em 3 de dezembro, Marconi disputa a última etapa do XTerra Brasil, em Paraty-RJ. Além disso, o triatleta planeja e treina para todo o circuito brasileiro da modalidade, disputar o Pan-Americano e defender o título mundial em 2019. O local ainda será definido pela organização.