Fala galera, hoje vamos falar um poucos sobre as zonas de potência. Você está acostumado a ouvir todo mundo falando das zonas cardíacas, e normalmente estas só vão até a Zona 5, mas quando se trata de watts, o limite é a Zona 7. E agora?

 

Uma rápida explicação sobre isso:

 

Ao treinar baseado nas zonas cardíacas, nós buscamos o nosso 100%, FC máx, para então calcular as nossas zonas de treino. Quando se usa potência é algo muito parecido, mas a grande diferença é que ao utilizar os watts nós buscamos o nosso 100% em 60 minutos, o famoso FTP, e a partir dele calculamos as nossas zonas de treinamento. Aí que está a grande sacada da potência, o 100% de 60 minutos não é igual ao 100% de 60 segundos! Ou seja, é muito fácil em treinos você realizar esforços acima do seu FTP.

 

Algo totalmente impensado ao se utilizar apenas o frequencímetro como ferramenta, se a sua FC máx é 180 bpm, você nunca vai receber uma planilha prescrevendo: pedale 90 segundos a 200 bpm. Mas com a potência é exatamente desse jeito, você tem um FTP de 280W, e recebe o treino com a seguinte prescrição: (5x) 90″ a 320W.  Não se preocupe, é assim mesmo vamos tentar entender isso?

 

Vamos dar uma olhada em alguns dados.

 

Quais são as sete zonas de Potência?

As zonas de potência dividem a energia gerada pelo atleta com base no seu nível de esforço. Os dados abaixo fornecem informações sobre as sete zonas, o nome de cada zona, seus relação com o FTP e uma descrição da zona em termos de esforço / esforço.

 

Zona Nome Intensidade em relação ao FTP
Zona 1 Recuperação ativa <55%
Zona 2 Resistência 55-75%
Zona 3 Tempo 75-90%
Zona 4 Limiar de lactato 90-105%
Zona 5 VO2 Máx 105-120%
Zona 6 Capacidade Anaeróbica 120-150%
Zona 7 Potência neuromuscular 150% +

 

O que é FTP?

FTP significa “Potência do limiar funcional”, que é a potência mais alta que você pode manter por aproximadamente uma hora. Em outro artigo já fiz uma explicação um pouco mais detalhada sobre isso, para voltar lá clique aqui.

 

  Veja Também

 

Como descubro meu FTP?

Seu FTP é definido para uma hora, mas você não precisa fazer um teste de uma hora para encontrá-lo. Em vez disso, você poderá fazer um Teste de 20 minutos. Em breve um artigo com o protocolo para realização de um teste de FTP.

 

Por que você deve conhecer o seu FTP?

Conhecer seu FTP é essencial por alguns motivos, aqui vão dois dos principais.

Ele será usado como referência para determinar se o seu treinamento está ou não funcionando. À medida que sua aptidão melhorar, o seu FTP subirá.

O FTP também será usado para definir suas zonas de treinamento baseadas em watts. Semelhante aos treinamentos com zona de freqüência cardíaca, as zonas de potência vão te garantir um treinamento de qualidade numa intensidade ideal para alcançar os efeitos desejados.

 

No próximo artigo vamos abordar a importância de cada zona, para entender qual o objetivo de cada uma. Em resumo, vamos entender o que cada zona te oferece em termos de benefício de condicionamento físico e por que cada zona específica deve ter um lugar nos seus treinos.

 

Qualquer dúvida nesse artigo ou sugestão de temas nos mande nos comentários.

 

Para informações sobre como nos mandar produtos ou parcerias, mande um e-mail para: comercial@marconiribeiro.com.br

Compartilhe este post: